terça-feira, 3 de junho de 2008

Douglas: primeiro o Grêmio, depois a Europa

Jogador, que interessa a espanhóis, volta da seleção sub-19, o guri de R$ 20 milhões voltou para casa. Douglas Souza, 17 anos, o meia que entrou na mira de clubes europeus ainda sem ser profissional, retorna a campo pelo Grêmio amanhã. O jogo contra o Cerâmica, pelo estadual de juniores, será o primeiro após sua convocação para amistosos da seleção sub-19, no Canadá. A partida começa às 15h, no CT de Eldorado do Sul.
O guri de R$ 20 milhões voltou para casa. Douglas Souza, 17 anos, o meia que entrou na mira de clubes europeus ainda sem ser profissional, retorna a campo pelo Grêmio amanhã. O jogo contra o Cerâmica, pelo estadual de juniores, será o primeiro após sua convocação para amistosos da seleção sub-19, no Canadá. A partida começa às 15h, no CT de Eldorado do Sul.
Douglas virou notícia quando o site espanhol Defensa Central informou que Real Madrid, Sevilla e Villarreal o observavam. Até agora, no entanto, nenhuma proposta foi feita, segundo garante o diretor-executivo, Rodrigo Caetano. Mesmo que o empresário César Bottega já tenha distribuído DVDs com lances do jogador.
A multa rescisória é de 8 milhões de euros (R$ 20,2 milhões). Mas irá aumentar em setembro, quando o jogador assinar um novo contrato, com duração até 2013. Precavida, a direção pretende evitar a superexposição do jogador em torneios. No Canadá, a CBF impedia a aproximação de empresários aos locais de treinamento.
— É bom saber de tudo isso (o interesse europeu). Mas, primeiro, quero subir para o Grêmio — avisa Douglas, que voltou a treinar ontem.
Este é também o desejo do pai, o mecânico Antônio Valmor de Souza, e da mãe, a doméstica Marlene Costa de Souza. O casal reside em Esteio e torce para que a direção cumpra a promessa de promover o filho no início de 2009.
Douglas não mora mais com a família. Transferiu-se para Porto Alegre em 2002, ao ser descoberto por olheiros gremistas jogando pelo Novo Hamburgo em um torneio em Flores da Cunha. Por dois anos, morou na concentração do Olímpico. Hoje, divide apartamento no Menino Deus com outros dois juniores. Cada um paga R$ 300 por mês pelo aluguel. Todos vão a pé para o estádio diariamente.
Suas primeiras fotos como promessa gremista, feitas ontem, à beira do gramado onde os jogadores treinavam, despertou curiosidade dos funcionários do clube.
— Esse que é o Douglas? É ele é que vai pagar o nosso salário no ano que vem? — perguntou um segurança, deixando o garoto encabulado.
Os elogios são recebidos com tranqüilidade. Autor de seis gols este ano, um deles contra o Inter, no torneio de Santiago, Douglas reluta em falar sobre suas qualidades. Quem o acompanha, porém, destaca virtudes como velocidade e habilidade. E a precisão nas cobranças de falta.
Amigo e fã de Carlos Eduardo, hoje no Hoffenheim, da Alemanha, com quem costuma trocar mensagens pelo MSN, Douglas repete o discurso de garotos de sua idade e sonha em dar conforto à família. Mas não se importa com luxo.
— Não preciso de um carrão desses — diz, apontando os automóveis estacionados em frente ao vestiário profissional.
Fonte: Luís Henrique Benfica

Um comentário:

Diego Louzada disse...

Esses empresário são mesmo uma praga. Safado esse ai que já foi distribuindo vídeos do jogador.
Boa sorte ao Grêmio e essa jovem promessa, que venha render frutos em campo e financeiros ao tricolor dos Pampas.
Abraço!