sábado, 24 de maio de 2008

Grêmio x Náutico

Apesar do empate sem gols contra o Flamengo em casa no último domingo, pode-se dizer que o Grêmio largou bem no Brasileirão, uma vez que bateu o São Paulo, no Morumbi, na rodada de abertura.
Portanto, uma vitória neste sábado sobre o Náutico, atual líder, combinado com um tropeço do Cruzeiro (2º) diante do Santos, no Mineirão, poderá deixar o Tricolor na ponta já neste início de competição, ajudando assim na afirmação do grupo. Para que isto aconteça, o técnico Celso Roth poderá repetir exatamente o mesmo time das duas primeiras rodadas.
Após as eliminações inesperadas nas quartas-de-final do Gauchão e na segunda fase da Copa do Brasil, a forma de jogar tricolor mudou tanto em suas peças como na organização tática. Utilizando o sistema 3-5-2, Roth deu chance a Réver na zaga e vem deixando o experiente Jean fora até mesmo do banco de reservas.
Já no meio-campo, aconteceu a valorização dos volantes. São dois - Eduardo Costa e Rafael Carioca - ao lado de um único jogador de criação, Roger. E mesmo tendo que disputar posição com a estrela gremista, o paraguaio Julio dos Santos também sequer vem sendo relacionado para concentrar.
Mas é no ataque que está o principal problema desta nova formatação. Prova disto é que o único gol marcado em dois jogos no campeonato foi marcado pelo zagueiro Pereira. Soares e Perea estão tendo suas atuações questionadas e podem em seguida perder posição para Reinaldo, que está recuperado de lesão.
O adversário
Mesmo ainda sem a presença do seu novo comandante após a saída de Roberto Fernandes para o Atlético Paranaense, o Náutico vem a Porto Alegre com o intuito de se manter na liderança do certame nacional. Sangaletti, ex-zagueiro colorado e atual superintendente de futebol do time pernambucano, vai comandar a equipe no Olímpico.
Sem poder contar com Vagner e Radamés, vetados pelo Departamento Médico, o técnico interino vai promover a estréia de Negrete ao lado de Everaldo na zaga, e o experiente Paulo Almeida, ex-Santos, na cabeça de área junto com Ticão.
Além dessas duas mudanças que foram obrigadas, Sangaletti também vai entrar com João Paulo na lateral direita e Itaqui, ex-Grêmio, na esquerda. No meio de campo e no ataque permanecem Paulo Santos, Geraldo, Wellington e Felipe, ex-jogador do Passo Fundo que vestirá a camisa alvirrubra pela centésima vez..
O atacante Wellington tem a fórmula para o Náutico vencer o Grêmio pela primeira vez no Rio Grande do Sul.
“Precisamos impor o mesmo ritmo de jogo deles, marcando em cima, sem deixar eles jogarem”, afirmou o jogador que já atuou no Inter.

Grêmio
Victor; Léo, Pereira e Réver; Paulo Sérgio, Eduardo Costa, Rafael Carioca, Roger e Helder; Soares e Perea.
Técnico: Celso Roth

Náutico
Eduardo; João Paulo, Negrete, Everaldo e Itaqui; Ticão, Paulo Almeida, Paulo Santos e Geraldo; Felipe e Wellington.
Técnico: Marcelo Sangaletti (interino)

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: sábado, 24 de maio de 2008
Horário: 18h10min
Árbitro: Alicio Pena Júnior (Fifa/MG)
Assistentes: Helberth Costa Andrade (MG) e Jair Albano Félix (MG)

Nenhum comentário: