sexta-feira, 21 de setembro de 2007

Ataque com Marcel e Luciano Fonseca


O ataque tricolor que deve jogar amanhã, às 18h10min, contra o Santos, no Olímpico, não quer passar em branco. Para os atacantes Marcel e Luciano Fonseca será a chance de fazer o primeiro gol pelo Grêmio e se firmar entre os titulares da equipe. Marcel fez uma cirurgia de apendicite e estava de fora do time desde o jogo contra o Vasco. Luciano Fonseca, que estreou bem no Gre-Nal, terá agora nova oportunidade de marcar pela primeira vez. A expectativa dos jogadores para a partida de amanhã é grande.

— Espero poder estar a altura do Grêmio e representar bem essa camisa, que tem tanta força. Se aparecer a oportunidade, espero marcar um gol — disse Luciano, chamado de Marreta devido ao chute forte.

— É preciso ter tranqüilidade para poder concluir quando surgir a chance — completa Marcel.

O Grêmio deve encarar o Santos com Saja; Bustos, Leo, Pereira e Anderson; Eduardo Costa, Sandro Goiano, Tcheco e Diego Souza; Luciano Fonseca e Marcel. O técnico Mano Menezes testou modificações na equipe durante o treino de ontem. Ele usou Thiego na vaga de Anderson Pico e Danilo Rios na de Luciano Fonseca, com Diego Souza mais adiantado. O zagueiro Pereira também foi aproveitado como substituto de William, com dores musculares, que não tem presença garantida nem entre os concentrados para o jogo contra o Santos.

— O jogador quer estar sempre atuando, mas temos de ter bastante equilíbrio e tranqüilidade e respeitar o momento dos outros companheiros e a opção do treinador. Sou um jogador que, infelizmente, tem sofrido muito com as lesões. Isso tem atrapalhado um pouco o meu trabalho, pois sabemos que o jogador precisa ter seqüência — disse Pereira à Rádio Gaúcha.

Pereira também comentou sua volta à equipe em uma jogo importante como o de amanhã já que Grêmio e Santos são adversários diretos por uma vaga na Libertadores 2008:

— É um concorrente direto nosso, então, creio que será um grande jogo. Temos de aproveitar a oportunidade, principalmente pelo fato de jogar dentro de casa.

Nenhum comentário: