sábado, 18 de agosto de 2007

Grêmio 2x0 Paraná



Foi a melhor atuação do time no Campeonato Brasileiro, o Grêmio não deu chances ao Paraná e venceu por 2 a 0 no início da noite deste sábado, no Olímpico. Diego Souza e Anderson Pico, aos 28 e 38 minutos do primeiro tempo respectivamente, fizeram os gols do jogo.A vitória deixa o Tricolor momentaneamente na quinta colocação com 31 pontos. No complemento da rodada, neste domingo, apenas Palmeiras (30p) e Goiás (29) pode ultrapassar o time gaúcho. Enquanto os paulistas enfrentam o Flamengo, os goianos encaram o líder São Paulo. Ambos jogam em casa.
O Grêmio volta a campo no próximo sábado para enfrentar o Fluminense no Maracanã, novamente às 18h10min. Já o Paraná tentará reagir na competição contra o Juventude, no Durival Britto, às 16 horas do dia seguinte.

A partida começou com o Grêmio não deixando o Paraná respirar. Logo com quatro minutos, quando ainda a fumaça dos sinalizadores se fazia presente no gramado do Olímpico, Eduardo Costa descolou ótimo passe para Anderson Pico, que invadiu a área pela esquerda e chutou cruzado em cima do goleiro Flávio.Marcando a saída de bola do adversário, e utilizando a velocidade, os comandados de Mano Menezes deixavam tontos os jogadores orientados por Gilson Kleina. Aos 6min, Sandro Goiano alçou na área onde apareceu livre Diego Souza para cabecear no canto e obrigar Flávio a executar grande defesa. No rebote, o zagueiro Neguette chegou para empurrar pela linha de fundo.Os quatro lances seguintes de ataque contaram com a categoria de Carlos Eduardo, que poderia estar fazendo sua última apresentação pelo Tricolor. Aos 8min, Marcel saiu para buscar jogo e enfiou ótima bola para o garoto que cortou o zagueiro já dentro da área pela esquerda e bateu rasteiro para nova defesa do arqueiro paranista. No minuto seguinte, a trama aconteceu pela direita e após o cruzamento de Bustos, Carlos Eduardo chegou livre de trás para concluir de primeira fazendo com que Flávio fizesse um milagre ao evitar a abertura do escore, que na realidade era uma mera questão de tempo.E aos 11min, Carlos Eduardo dribla dois marcadores pela esquerda e cruza rasteiro. Dentro da pequena área, Marcel chega atrasado e perde boa oportunidade de marcar seu primeiro gol com a camisa gremista.Quem deixou de balançar as redes logo na estréia foi Hidalgo. Aos 15min, após o lançamento de Carlos Eduardo, o lateral-esquerdo invadiu a área, e na falha do zagueiro, concluiu do bico da pequena área na rede pelo lado de fora. Entretanto, um minuto depois, o jogador peruano deu um susto no seu torcedor ao proporcionar o lance mais perigoso do Paraná no primeiro tempo. Márcio Careca cruzou buscando o centroavante Josiel, mas Hidalgo se antecipou e, de cabeça, colocou pela linha de fundo quase acertando o ângulo direito de Marcelo Grohe.Porém, a pressão dos donos da casa permanecia intensa.

Tanto que aos 21, Eduardo Costa meteu outra ótima bola, por cobertura, para Bustos, que se enfiou entre os zagueiros, mas não teve força para cabecear, facilitando mais uma intervenção de Flávio.Tendo que trabalhar incessantemente, o goleiro paranaense, aos 23min, segurou mais uma, em dois tempos, após a conclusão de Diego Souza pela direita, após deixar dois adversários na saudade.Mas foi aos 28 que finalmente o ataque gremista conseguiu passar por Flávio, o nome da partida até então.
Na roubada de bola de Sandro Goiano na intermediária, a bola chega até Carlos Eduardo que rola para Diego Souza soltar a bomba que estufou o barbante para delírio dos mais de 20 mil torcedores presentes no estádio, Grêmio 1x0.Com a vantagem no placar, o Grêmio seguiu atacando e aos 30, Marcel desperdiçou mais uma oportunidade ao apanhar de primeira, no meio da área, o cruzamento de Bustos.
E para finalizar os 45 minutos iniciais de luxo, aos 38, Anderson Pico se livrou da marcação com o drible de corpo ainda pelo lado esquerdo da área, avançou em direção à linha frontal e disparou um chute forte e colocado no canto esquerdo de Flávio que, sem esboçar reação, apenas acompanhou a bola entrando, Grêmio 2x0.
Com a mesma formação para a etapa final, o Grêmio assustou primeiro com seus dois novatos. Hidalgo carregou até o fundo e cruzou na pequena área para Marcel arrematar, sozinho, em cima de Flávio, que fechou completamente o ângulo do centroavante, que aos poucos caía nas graças da torcida apesar de ainda não ter colocado para dentro.

Tentando equilibrar as ações do jogo, o técnico Gilson Kleina realizou duas alterações no intervalo mudando inclusive o esquema tático. Com a entrada do meia Éverton e a saída do zagueiro Neguette, o Paraná passou a jogar no 4-4-2. Já na lateral esquerda, foi feita uma troca de seis por meia dúzia. Saiu Márcio Careca para a entrada de Paulo Rodrigues, que por pouco não acertou com o Inter no início do ano.E, se as modificações não se transformaram em gol, pelo menos serviu para segurar o ímpeto gremista. A partida já alcançava a metade do segundo tempo e o Grêmio havia concluído com perigo apenas uma vez. Foi aos 12min, no chute do confiante Anderson Pico. Porém, desta vez a bola se perdeu pela linha de fundo. Com 20 minutos, o Paraná foi forçado a realizar sua terceira alteração. Lesionado, o zagueiro Luis Henrique deu lugar a Toninho. Já no Grêmio, Mano Menezes mexeu aos 32, quando sacou Marcel para a entrada de Tuta. E aos 42, Patrício entrou na vaga de Carlos Eduardo para segurar o resultado. Já nos acréscimos, Gavilán substitui a Bustos.E após um primeiro tempo em alta voltagem, o Tricolor tratou apenas de administrar o escore no tempo final. Sem mais ameaçar a meta adversária, a equipe gaúcha teve Diego Souza expulso aos 38 minutos, em uma expulsão duvidosa, após dois cartões amarelos apresentados pelo árbitro sergipano Antônio Hora Filho por simulação, o jogador foi mais cedo para o chuveiro.Os jogadores do Grêmio sairam de campo revoltados com o árbitro.Os melhores jogadores em campo foram Eduardo Costa, William, Diego Souza, Carlos Eduardo e principalmente Anderson Pico.

Campeonato Brasileiro 2007
20ª rodada
Grêmio 2 x 0 Paraná
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: sábado, 18 de agosto de 2007
Árbitro: Antônio Hora Filho (SE)
Assistentes: Almirdrovandro da Silva Lima e Cleriston Clay Barreto Rios (SE)
Cartões amarelos: Diego Souza, Eduardo Costa, Carlos Eduardo e Tuta (Grêmio)
Cartão vermelho: Diego Souza (Grêmio)
Gols: Diego Souza, aos 28min/1ºTempo; Anderson Pico, aos 38min/1ºTempo.
Público total: 22.663
Público pagante: 20.814
Renda: R$ 220.460,00

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Bustos (Gavilán), William, Léo e Hidalgo; Eduardo Costa, Sandro Goiano, Anderson Pico e Diego Souza; Carlos Eduardo (Patrício) e Marcel (Tuta). (Gavilán)
Técnico: Mano Menezes

PARANÁ
Flávio; Neguette (Éverton), Nem e Luis Henrique (Toninho); Alex, Adriano, Beto, Vandinho e Márcio Careca (Paulo Rodrigues); Vinícius Pacheco e Josiel.
Técnico: Gilson Kleina

Nenhum comentário: