domingo, 5 de agosto de 2007

Grêmio 0x2 SPFC

O São Paulo venceu o Grêmio, no Olímpico, neste domingo, por 2 a 0, em uma partida marcada pela disputa intensa no meio de campo e com uma ligeira superioridade da equipe gaúcha. Mas com um gol aos dois minutos de jogo e outro no final da partida, o time treinador por Muricy Ramalho, atuando no 3-5-2, conseguiu dominar o empenho tricolor e conquistou mais três pontos no Brasileiro. Apesar de ter feito muita pressão no segundo tempo, mais uma vez, o Grêmio deixou escapar a oportunidade de se aproximar dos líderes da competição. Na próxima quinta-feira, o tricolor gaúcho enfrenta o América-RN, no estádio Olímpico, às 20h30min.

O jogo

A partida começou com o Grêmio pressionando. A um minuto, Bustos chutou forte de pé direito próximo ao poste direito de Rogério Ceni. No lance seguinte, Souza viu o deslocamento de Borges entre os zagueiros e lançou. O atacante, cara-a-cara com Saja, apenas desviou do goleiro e abriu o placar. São Paulo 1 a 0. Depois do gol, o Grêmio passou a ter maior volume de jogo, mas tinha dificuldade de passar pelo meio de campo do tricolor paulista formado por cinco jogadores. A opção, impreterivelmente, passou a ser os chutes de longa distância e os lançamentos para os atacantes. Posicionado defensivamente, o São Paulo aguardava o time gaúcho para partir em contra-ataques.

Aos 23min, Carlos Eduardo recebeu lançamento de Patrício pela direita de ataque. O atacante bateu forte e rasteiro, mas a bola passou na frente da goleira de Ceni. Tuta ainda tentou se jogar para alcançar a bola com o pé esquerdo, mas não conseguiu chegar a tempo. Defensivamente, o Grêmio conseguia conter os contra-ataques em velocidade do São Paulo, mas seguia tendo dificuldades para criar oportunidades de gol. O primeiro tempo terminou com a maioria dos primeiros 45 minutos iniciais, o tricolor gaúcho com maior volume de jogo e se defendendo dos ataques esporádicos do adversário, em um jogo marcado por entradas ríspidas de ambas as partes.

No retorno para a segunda etapa, o Grêmio voltou pressionando e conseguiu criar algumas oportunidades de gol. Aos seis minutos, William lançou Tuta na intermediária, o centroavante desviou da cabeça, Everton entrou dividindo com dois zagueiros, mas a bola saiu próximo ao poste direito da goleira gremista. No lance seguinte, Leandro fez passe para Josué, na entrada da grande área e o meia chutou por cima do poste superior de Saja. Três minutos depois, Tcheco bateu falta da direita de ataque, Tuta cabeceou, sozinho, no segundo poste, mas a bola bateu em Richarlyson e sobrou para o centroavante, que chutou no poste direito de Ceni.

Aos 14min, Patrício cruzou da direita para Diego Souza, que entrava sozinho pela esquerda, mas o meia cabeceou no meio do gol, fácil para a defesa de Ceni. Neste momento da partida, o São Paulo sentia a pressão do Grêmio e não conseguia chegar ao ataque. Já o tricolor dominava o jogo, mas passou a dar espaço na defesa. Aos 18min, em um contra-ataque, Jorge Wagner lançou Borges, que avançou, seguido por William, e chutou próximo ao poste superior de Saja.

Aos 27min, nova oportunidade do tricolor, Douglas passou para Diego Souza, que girou e arrematou por cima do poste superior do São Paulo. O Grêmio seguia pressionando, mas a defesa do time paulista, bem posicionada, não cedia espaços e obrigava os adversários a chutes de longa distância. Aos 35min, Bustos cobrou falta próximo a grande área, pelo lado esquerdo de ataque, a bola picou e obrigou Ceni a espalmar a bola pela linha de fundo. Quatro minutos depois, William cruzou, da intermediária, Douglas cabeceou, mas próximo ao poste superior da goleira do São Paulo. Mesmo com toda a pressão, foi o time paulista que ampliou no final do jogo. Aos 42min, Itaqui não conseguiu dominar uma bola no meio de campo, Diego Tardelli roubou, invadiu a área e chutou cruzado para ampliar o placar.

Aos 46min, Diego Souza fez jogada individual pela esquerda de ataque, invadiu a grande área e chutou forte. Ceni, mais uma vez, fez uma grande defesa e impediu o gol tricolor. Com a segunda derrota consecutiva, a equipe treinada por Mano Menezes deixou o gramado sob vaias.
Grêmio 0 x 2 São Paulo - 17ª rodada – Campeonato Brasileiro

Início do 1ºT: 18h15min
Fim do 1º: 19h02min
Início do 2ºT: 19h21min
Fim do Jogo: 20h10min

Gols:

São Paulo - Aos dois minutos de jogo, Souza fez lançamento para Borges, entre os zagueiros. O atacante, frente-a-frente com Saja, chutou desviado e abriu o placar.

São Paulo - Aos 42min, Diego Tardelli aproveitou uma saída errada de bola do Grêmio, invadiu a área e chutou na saída de Saja.


Ficha técnica:

Grêmio:
Saja; Patrício (Itaqui), William, Pereira e Bustos; Gavilán, Sandro Goiano, Diego Souza e Tcheco (Douglas); Everton (Kelly) e Tuta .
Técnico: Mano Menezes

São Paulo:
Rogério Ceni; Miranda, Edcarlos e Alex Silva; Souza, Josué, Richarlyson, Hugo e Jorge Wagner; Leandro (Reasco) e Borges (Diego Tardelli).
Técnico: Muricy Ramalho

Cartões amarelos:
Grêmio - Sandro Goiano
São Paulo - Josué, Richarlyson, Souza, Borges, Hugo, Rogério Ceni.

Local: Estádio Olímpico, Porto Alegre (RS).
Data: 5 de agosto de 2007

Árbitro: Heber Roberto Lopes/PR (FIFA)
Auxiliares: Gilson Bento Coutinho/PR e José Hamilton Pontarolo/PR

Nenhum comentário: